O passarinho

  

mosquito

 

 

 

 

 

 

 

 

Passarinho do meu quintal

Como é lindo o teu piar

Quem me dera cantar assim

E o meu amor a escutar

Passarinho quem dera eu ser

Para poder cantar e voar

Cedinho à tua janela ia ter

Só para ver o teu acordar

Passarinho que a asa bate

É sinal de barulho por perto

Ele foge para qualquer parte

Quase sempre pró deserto

Numa uma noite de luar

Ele cantava em sustenido

O meu amor me fez recordar

Fiquei triste, há muito tinha partido…

AEJF

Anúncios


Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s